No dia do Agricultor, o GPA relembra que a REN premeia a proteção da biodiversidade e da floresta no Green Project Awards

O Green Project Awards (GPA) e a REN – Redes Energéticas Nacionais (REN) são os protagonistas no lançamento do Prémio GPA – REN Biodiversidade e Florestas para promover a inovação e desenvolvimento das melhores praticas na proteção da biodiversidade e da floresta.

Este prémio surge no seguimento do trabalho desenvolvido pela REN na proteção da floresta portuguesa e no âmbito da sua estratégia de sustentabilidade, em que a empresa assume o compromisso de ser um agente ativo na proteção ambiental, implementando políticas de reflorestação, fomentando a educação ambiental, defendendo a utilização racional dos recursos naturais e a prevenção da poluição, apoiando o desenvolvimento das energias renováveis e desempenhando um papel ativo na prevenção das alterações climáticas.

Integrado na categoria Agricultura e Floresta da 11ª edição GPA, todos os projetos submetidos nesta categoria são elegíveis para o Prémio GPA – REN Biodiversidade e Florestas, desde que cumpram os seguintes requisitos:

  • Projetos que promovam o controlo de espécies lenhosas invasoras, com recursos a processos inovadores;
  • Projetos de alteração do uso do solo, de floresta para agrícola com vista a tornar o território mais resiliente aos fogos rurais;
  • Projetos inovadores que promovam a criação de valor das áreas afetas à Defesa da Floresta Contra Incêndios.

 

Para além deste prémio especial, o GPA atribui outros três: o Prémio GPA – ANI Born From Knowledge, o Prémio GPA – COTEC Indústria 4.0 e o Prémio GPA – EGF Inovação e Economia Circular. A 11ª edição do GPA conta com sete categorias: Agricultura e Florestas, Inovação Social e Mobilização, Iniciativa Jovem, Inovação e Economia Circular, Mar, Turismo e Urbes. As inscrições devem ser feitas através do link: http://candidaturas.gpa.pt/pt até ao dia 31 de maio.